GOSTOU?ME SIGA!!!

O Google está fazendo algumas alterações no Google Friend Connect, agora os seguidores necessitam ter uma Conta do Google para fazer login no Google Friend Connect para seguir os blogs.
Se você que me seguia e não tinha cadastro no Google, por favor faça o seu cadastro e volte a participar da minha lista de seguidores e saibam que senti sim muita falta de vocês! Estou lhes esperando com o maior carinho!

Importante:

Importante:

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Shirataki, ajuda a emagrecer


Shirataki  -  cachoeira branca, em japonês.
Também é chamado de Ito Kon'nyaku.

estas dicas encontrei no http://lostinjapan.portalnippon.com/2011/12/miojo-milagroso-para-emagrecer-konnyaku.html
Esse "miojo" diet (que NADA tem a ver com miojo, já que não é macarrão) se chama shirataki.
É feito de kon'nyaku.

 Mas... o que é kon'nyaku??? 


 Kon'nyaku 
pronuncia-se Côn-niáku

Kon'nyaku tem cara de gelatina dura, é feito de batata konjac. 

Extrai-se o amido, alcaliniza-se com cinzas de cedro, cálcio de cascas de ovos ou soda cáustica (a mistura é muito bem lavada posteriormente, não ficam resíduos dos alcalinizantes).

É tão antigo quanto o Japão, tem origem no século VI d.C.

Sem gosto de nada, o sabor é "vai com os outros", 
vem dos temperos aplicados.

De calorias praticamente nulas, sem gorduras. 

95% dele é água e minerais, o restante é glucomanano - uma fibra não-digerível que se expande no estômago, rapidinho produz saciedade. 

Por isso o kon'nyaku emagrece - tira sua fome, não te deixa com a sensação de falta de alimento.

Ajuda a controlar o colesterol, pressão alta, no Japão é chamado de "vassourão do sistema digestivo" (por causa das fibras).

É meio fedorentinho, mas perde o cheiro na água quente.
Não tem nada a ver com macarrão.



O sabor?

Idem ao chuchu, kon'nyaku cru e puro (sem nenhum preparo) é pedir pra morrer.
Mas cozido de maneira correta fica delícia e tem gente que gosta. 
Não me vem à cabeça formas de comparar o sabor, konnyaku tem gosto de... konnyaku!

De variedades diversas, 
tem uso até como substituto para peixe cru e carnes  
na dieta vegetariana.


Os japoneses acham esquisito que no ocidente tenha surgido a moda de consumi-lo em  forma de fios, para emagrecer; é coisa de americano mesmo (virou moda depois de aparecer no programa da Nigella Lawson na forma de "macarrão").

Os japas, no caso das dietas, preferem em pedaços, pois como é gelatinoso você precisa mastigá-lo (aumenta a sensação de saciedade e ajuda no regime).

Em fios, é facinho de engolir sem mastigar nada.


Tem também em versão docinho, 
com sabor de frutas. 

Essas gelatinas, feitas de kon'nyaku e sumo de frutas ajudam muito na hora que dá vontade de comer doces e furar a dieta.  Poucas calorias, são bem saborosas.

Tem gente que chama de bala de kon'nyaku, mas o termo está totalmente errado.
É gelatina.

Não engula de uma vez, senão é perigoso engasgar, mastigue.

Crianças adoram, eu idem.

**************************************************

Receitas? 
Salada de Kon'nyaku (bem tradicional).

Ingredientes: 
1 pacote de konnyaku
6 quiabos médios
1/3 de nabo descascado (cuidado com os velhos, que tem cheiro forte e são amargos)
2 colheres de sopa de sumo de limão
2 ½ colheres de sopa de shoyu

Preparo:
Coloque o kon'nyaku em uma panela com água fervendo por 2 a 3 minutos.
Escorra bem a água.
Corte o kon'nyaku em fatias bem finas

Cozinhe os quiabos (de 30 segundos a 1 minuto) em água quente. 
A seguir, esfrie-os em água fria ou gelada (realça a cor).
Corte em rodelas bem finas, reserve.

Rale bem fininho o nabo, que soltará um caldo.
É este caldo que vamos usar, passe o nabo ralado para coador ou peneira e recolha a parte líquida.

Acrescente ao sumo do nabo o limão e shoyu, misture bem.
Se achar que fica bom, coloque uma minúscula pitada de açúcar.

Misture esse caldo levemente ao konnyaku e ao quiabo.
No verão, sirva gelado.
4 porções
..................................................................

itokonnyaku 
Ingredientes 1 col. (sopa) de azeite de oliva 
2 dentes de alho amassados 
6 tomates picados, sem pele e sem sementes 
1 col. (sopa) de manjericão fresco picado 
1 col. (sopa) de salsa fresca picada 
1 col. (sopa) de orégano fresco picado 
1 col. (chá) de alecrim fresco picado 
1 col. (café) de sal 
200 a 250g de itokonnyaku (também conhecido como shirataki)

Modo de fazer 
Aqueça o azeite em uma panela, refogue os alhos ate dourar. Acrescente o restante dos ingredientes, com exceção do macarrão, e deixe cozinhar por cerca de 7 minutos. Cozinhe a massa em bastante água com um fio de azeite por 3 minutos ou como sugere o fabricante. Escorra e volte à panela. Misture o molho e coloque em uma travessa. Sirva em seguida.


Também chamado de miojo milagroso, o itakonnyaku ou shirataki não é facilmente encontrado nos mercados. Além disso, trata-se de um produto fresco que deve ser conservado gelado – mesmo antes de a embalagem ser aberta. Como há conservantes na água do pacote, deixe o macarrão de molho por 30 minutos, escorra e passe-o em água corrente. O cozimento do alimento é rápido: basta mergulhá-lo em água fervente por no máximo 5 minutos.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que bom que você veio me visitar! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS POPULARES