GOSTOU?ME SIGA!!!

O Google está fazendo algumas alterações no Google Friend Connect, agora os seguidores necessitam ter uma Conta do Google para fazer login no Google Friend Connect para seguir os blogs.
Se você que me seguia e não tinha cadastro no Google, por favor faça o seu cadastro e volte a participar da minha lista de seguidores e saibam que senti sim muita falta de vocês! Estou lhes esperando com o maior carinho!

Importante:

Importante:

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Remédio Caseiro para Pernas Inchadas


Um excelente remédio caseiro para pernas inchadas é a lavagem de água e sal. Para preparar este remédio é preciso 3 litros de água, meio copo de sal grosso e 2 colheres (sopa) de álcool.
A água deve ser colocada no fogo até amornar, e depois ser despejada em um recipiente para que o sal e as 2 colheres de álcool sejam adicionados.
As pernas devem ser deixadas de molho durante 20 minutos, de preferência faça lavagens do joelho até os pés. As lavagens devem ser feitas antes de dormir, será perceptível a diminuição do inchaço nas pernas.

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Remédio caseiro para sinusite


Um excelente remédio caseiro para a sinusite são as inalações de vapor com camomila, de duas a três vezes por dia. Elas produzem um alívio rápido em gripes, resfriados, congestões nasais e sinusites frontais, seja ela aguda, crônica ou alérgica.

Ingredientes:

  • 6 colheres de chá de flores de camomila;
  • 1 a 2 litros de água fervente

Modo de preparo:

Coloque a camomila numa taça com a água fervente. Espere esfriar um pouco e então inale o vapor do chá.
É importante respirar o vapor o mais profundamente possível durante ao menos, 10 minutos e fazer isto 2 vezes ao dia durante a crise.

Sinusite tem cura

A sinusite é uma inflamação dos seios paranasais que provoca dor e incômodo, mas felizmente a sinusite tem cura. Para alcançá-la o que se deve fazer é seguir o tratamento recomendado pelo médico que deve incluir retirar totalmente o líquido infectado com o auxílio do inalações de vapor, toma de antibióticos e mucolíticos, e ingerir bastante água para fluidificar ainda mais a secreção, facilitando a sua retirada.
Em caso de sinusite alérgica, o médico deverá considerar a toma de anti-histamínicos.

Tratamento natural para sinusite

Uma das formas de combater os sintomas da sinusite é através de um tratamento natural feito à base de lavagens nasais com solução salina. Basta compra numa farmácia uma solução salina própria para sinusite e introduzi-la numa das narinas, deixando que o líquido saia pela outra narina, enquanto prende a respiração.
Esta técnica irá ajudar a eliminar a secreção do nariz e dos seios paranasais, sendo uma importante forma de tratamento da sinusite, que não tem contra indicações e pode ser utilizada até mesmo durante a gravidez.

domingo, 27 de janeiro de 2013

Iogurte caseiro para prisão de ventre


O iogurte caseiro é um ótimo remédio natural para acabar com a prisão de ventre. Além disso ele é um alimento de fácil digestão e é rico em nutrientes, especialmente em cálcio que ajuda a prevenir a osteoporose e auxilia na recuperação de fraturas.

Receita do iogurte caseiro

Ingredientes

  • 1 litro de leite;
  • 1 copo de iogurte natural (170g).

Modo de preparo

Aqueça o leite até ele ficar morno, por volta dos 36º C e misture-o com o iogurte natural que deverá estar em temperatura ambiente. Coloque esta mistura num recipiente hermeticamente fechado, envolva-o num pano bem limpo e guarde-o dentro do microondas fechado, mas desligado e mantenha-o ali por 4 a 6 horas no máximo. Depois de pronto, guarde-o na geladeira. O iogurte deverá estar pronto quando a consistência for igual ao do iogurte natural que se compra no mercado.
O ambiente quente do microondas irá favorecer a proliferação das bactérias do iogurte e elas alcançarão todo o leite, transformando-o em iogurte natural. Assim, com um copinho de iogurte natural consegue-se fazer mais de 1 litro de iogurte natural.

Benefícios do iogurte

  • Melhorar a flora bacteriana intestinal e assim auxiliar no combate a uma série de doenças;
  • Melhorar o trânsito intestinal evitando a putrefação dos alimentos e a sua consequente produção de toxinas;
  • Combater a fermentação dos alimentos evitando os gases, irritações, inflamações e as infecções intestinais;
  • Favorecer a assimilação do cálcio e do fósforo e de outros minerais importantes;
  • Diminuir os sintomas da úlcera de estômago, duodeno, colite, enterite, gastrite e desinteria;
  • Proteger a vitamina C e as vitaminas do complexo B, aumentando a sua absorção no organismo.
As bactérias normalmente presentes no iogurte também fabricam as vitaminas do complexo B dentro do trato intestinal e por todos estes motivos, o iogurte natural deve fazer parte da alimentação diária de todos os indivíduos. Para um melhor aproveitamento de todas as propriedades nutricionais do iogurte recomenda-se ingerir o iogurte natural em jejum e não comer mais nada logo a seguir, dando um espaço de tempo de pelo menos 30 minutos.

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Para zerar o abdômen




Com 1200 calorias, este cardápio tem uma boa dose de alimentos termogênicos. Assim, você perde até 5 quilos em um mês e ganha uma barriga lisinha, lisinha

CAFÉ DA MANHÃ
Opção 1:
 1 copo (250 ml) de suco de morango sem açúcar + 2 torradas integrais light com 2 col. (sobremesa) de ricota amassada


Opção 2: 1/2 papaia com 1 col. (sobremesa) de amaranto em flocos (ou quinua) + 1 clara de ovo mexida + 1 xícara de chá verde

Opção 3: 1 fatia de pão integral light com 1 col. (sobremesa) de azeite extravirgem e 4 fatias de blanquet de peru + 1 copo (250 ml) de suco de melão sem açúcar

Opção 4: 1 copo (250 ml) de leite de soja batido com 2 col. (sopa) de aveia e 5 morangos + 4 fatias de blanquet de peru

Opção 5: 1 fatia de pão integral light com pasta de soja (ou creme de ricota light) e 3 fatias finas de presunto magro + 1 pera

LANCHE DA MANHÃ
Opção 1:
 1 fatia média de melão


Opção 2: 1 pera (ou ameixa vermelha)

Opção 3: 2 cookies integrais pequenos

Opção 4: 1 barrinha de sementes (gergelim ou girassol)

Opção 5: 1 pote de iogurte de soja com 1 col. (sopa) de quinua em flocos (ou amaranto)

ALMOÇO
Opção 1:
 3 col. (sopa) de arroz integral com 1 concha pequena de caldo de feijão + 1 filé médio (100 g) de peito de frango grelhado + chuchu refogado, à vontade


Opção 2: 3 col. ( sopa) de arroz integral misturado meio a meio com milho + tomate-cereja e salsinha picados, à vontade + arião refogado, à vontade + 1 posta média (100 g) de peixe grelhado

Opção 3: 1 col. (de servir) de massa integral com molho de tomate (se possível, caseiro) + 1 lata de atum light + brócolis refogados, à vontade

Opção 4: 3 col. (sopa) de arroz integral misturado meio a meio com quinua em grão cozida + 1 filé médio (100 g) de peito de frango grelhado + berinjela refogada, à vontade

Opção 5: 3 col. (sopa) de arroz integral com 1 concha pequena de caldo de feijão + 1 col. (de servir) de carne magra moída refogada + 1 prato (sobremesa) de folhas de sua preferência, com palmito, aspargo e pepino, à vontade, temperados com 1 col. (sopa) de molho de mostarda light

LANCHE DA TARDE
Opção 1:
 1 pote de iogurte de soja com 1 xíc. (chá) de cereal de fibras (tipo All Bran) + 1 xícara de chá verde


Opção 2: 1 fatia de pão integral light com mostarda e 4 fatias de blanquet de peru + 6 morangos + 1 xícara de chá verde

Opção 3: 1 copo (250 ml) de leite de baixa lactose batido com 6 morangos congelados + 1 xícara de chá verde

Opção 4: 1 pote de iogurte de soja + 1 pera + 1 xícara de chá verde

Opção 5: 2 torradas integrais light com 1 col. (sopa) de azeite extravirgem, pimenta à vontade e 2 col. (sopa) de ricota amassada + 1 xícara de chá verde

JANTAR
Opção 1:
 1 prato (fundo) de sopa de couve-flor (ou brócolis) + 4 col. (sopa) de frango em cubos (ou desfiado) refogado com tomate + 1 prato (sobremesa) de folhas de sua preferência com palmito, pepino, 3 col. (sopa) de cenoura ralada e 1 col. (sopa) de azeite extravirgem


Opção 2: 3 col. (sopa) de arroz com brócolis + omelete (de 1 ovo e 1 clara com tomate picado) e chuchu refogado, à vontade

Opção 3: 3 col. (sopa) de cubos de frango refogados com quiabo, tomate e cebola + 3 col. (sopa) de arroz + couve refogada, à vontade

Opção 4: 3 col. (sopa) de arroz com aspargos + 1 posta média (100 g) de peixe grelhado + abobrinha refogada, à vontade

Opção 5: 1 porção (100 g) de peixe preparado com pimenta e legumes + 1 prato (sobremesa) de folhas de sua preferência com tomate-cereja, 1 col. (sopa) de milho e 1 col. (sopa) de azeite extravirgem

CEIA
Opção 1:
 8 morangos


Opção 2: 1 pera

Opção 3: 1 pote de coalhada (ou iogurte probiótico)

Opção 4: 1 saquinho (30 g) de soja tostada

Opção 5: 6 nozes

sábado, 19 de janeiro de 2013

Dieta do abdômen sequinho elimina 4 kg ou mais em 30 dias


Você está mais perto do que imagina de trocar a barriguinha por um abdômen à prova de biquíni e vestido justinho. É só seguir a dieta que evita o acúmulo de gordura e a aula de muay thai que vai derreter os excessos.
A dupla exercício e dieta sempre faz você emagrecer. Mas como o Projeto Barriga Chapada foi criado para ajudá-la a deixar o abdômen lisinho, o cardápio traz combinações que facilitam esse objetivo - ou seja, você perde peso e barriga. Então, prepare-se para criar o hábito de sempre montar o prato com carboidrato complexo (arroz, pão e massa integrais), proteína magra (queijo branco, frango, peixe e carne vermelha sem gordura) e gordura boa (salmão, atum, azeite extravirgem, sementes  e castanhas). "Combinar esses nutrientes no mesmo prato, em proporções adequadas, garante refeições de baixo índice glicêmico, evitando picos de açúcar no sangue", explica Suzana Bonumá, que elaborou a dieta em parceria com Juliana Tamashiro, ambas nutricionistas da Food Coach, em São Paulo. Resultado: o organismo acumula menos gordura e se livra com mais facilidade daquelas já  existentes. A fome também vai embora rapidamente e demora mais para voltar. As verduras, legumes e frutas são importantes para complementar o cardápio com vitaminas que fortalecem o sistema imunológico, garantindo que você siga todo o programa sem perder o pique e preserve a saúde. No sábado e domingo, a dieta dá direito a algumas comidinhas extras (confira em "Fim de semana feliz"). Mas, de segunda a sexta-feira, monte as refeições como nas fotos, escolhendo uma opção de cada grupo. Assim, você consome cerca de 1300 calorias por dia. E logo nota a barriga mais retinha! 

CAFÉ DA MANHÃ

Para montar as refeições, escolha um item de cada grupo
Carboidrato complexo + gordura boa • 2 torradas light com grãos: 56 cal
• 1 col. (sopa) de granola com castanhas: 62 cal
• 1/2 xíc. (chá) de cereal integral sem açúcar + 2 amêndoas: 63 cal
• 2 pães suecos com linhaça: 61 cal
• 4 minicookies com castanha-do-pará: 67 cal

Proteína magra • 1 pote de iogurte light de fruta ou natural desnatado: 76 cal
• 1 xíc. (chá) de café com leite desnatado: 80 cal
• 2 col. (sopa) de queijo cottage: 87 cal
• 5 fatias de peito de peru light ou de presunto magro: 67 cal
• 1 fatia grossa de ricota: 87 cal

Fruta • 10 morangos grandes: 60 cal
• 1 col. (sopa) de geleia de fruta sem açúcar: 63 cal
• 1 fatia grossa de melão: 65 cal
• 1/3 de papaia: 66 cal
• 1 fatia média de melancia: 75 cal

ALMOÇO

Os vegetais crus e cozidos garantem fibras, vitaminas e minerais
 Gordura boa • 1 col. (sobremesa) de azeite extravirgem + sal e limão: 70 cal
• 1 ½ col. (sopa) de molho vinagrete: 78 cal
• 5 azeitonas + 1 col. (sobremesa) de linhaça: 70 cal
• 2 nozes: 70 cal

Vegetal cru • 1 prato (sobremesa) de rúcula ou agrião: 15 cal
• 5 rodelas de tomate: 15 cal
• 2 col. (sopa) de beterraba ou cenoura ralada: 15 cal
• 1 col. (sopa) de abobrinha ralada: 15 cal

Vegetal cozido • 2 col. (sopa) de creme de espinafre: 96 cal
• 1 prato (sobremesa) de brócolis ou couve-flor refogado: 80 cal
• 3 col. (sopa) de couve refogada: 82 cal
• 4 col. (sopa) de abóbora refogada: 80 cal

Proteína magra • 1 filé médio (120 g) de salmão grelhado: 167 cal
• 1 filé (120 g) de frango ao molho mostarda: 186 cal
• 1 hambúrguer de soja (80 g) grelhado: 188 cal
• 4 almôndegas pequenas de frango: 160 cal

Carboidrato complexo • 3 col. (sopa) de arroz 7 cereais: 154 cal
• 3 col. (sopa) de fusilli integral ao sugo: 212 cal
• 4 col. (sopa) de quinua em grão cozida: 166 cal
• 4 col. (sopa) de cuscuz marroquino: 193 cal

LANCHE DA MANHàE DA TARDE

No primeiro lanche, entre o café da manhã e o almoço, combine uma fruta com uma opção de carboidrato. No segundo, entre o almoço e o jantar, acrescente uma opção de proteína ou de gordura
 Fruta • 4 damascos: 86 cal
• 1 maçã média: 84 cal
• 1 pera média: 80 cal
• 3/4 de xíc. (chá) de salada de frutas: 90 cal

Carboidrato complexo
• 1 col. (sopa) de granola light: 72 cal
• 2 col. (sopa) de cereal de fibras (tipo All Bran): 70 cal
• 1 fatia fina de bolo integral simples: 90 cal
• 4 biscoitos salgados integrais sem recheio: 70 cal

Proteína magra • 1 copo (200 ml) de leite de soja: 82 cal
• 2 queijinhos fundidos light (tipo Polenguinho): 70 cal
• 1 fatia média de queijo branco: 79 cal
• 1/2 barra de proteína: 80 cal

Gordura boa • 2 castanhas-do-pará: 70 cal
• 12 amêndoas: 67 cal
• 1 col. (sopa) de soja tostada (tipo snack): 69 cal
• 2 barrinhas de gergelim e linhaça: 80 cal

JANTAR 

À noite, a porção de carboidrato é menor. Mas continua sendo importante
VegetaL cozido • 1 pires (chá) de vagem refogada: 45 cal
• 5 aspargos grelhados: 50 cal
• 1 prato (fundo) de sopa de verduras: 60 cal
• Cogumelos (150 g) refogados com shoyo: 57 cal

Proteína magra • 1 porção de frango (120 g) ensopado: 211 cal
• 1 porção (100 g) de picadinho de carne refogado com tomate e alho-poró:  234 cal
• 1 porção (100 g) de frango xadrez: 228 cal
• 1 filé médio (120 g) de salmão com molho de maracujá: 230 cal

VegetaL cru • 1 prato (sobremesa) de alface-roxa, tomate e palmito: 25 cal
• 1 prato (sobremesa) de rúcula e agrião: 16 cal
• 1 prato (sobremesa) de acelga: 16 cal
• 1 prato (sobremesa) de couve: 16 cal

Carboidrato complexo • 1 tortilha média integral (tipo Rap 10): 100 cal
• 1 col. (sopa) de croûton natural integral: 90 cal
• 1/2 concha de lentilha cozida: 93 cal
• 3 col. (sopa) de grãode-bico cozido: 90 cal

Gordura boa • 1 col. (sopa) de molho vinagrete: 45 cal
• 1 col. (chá) de azeite extravirgem + sal e limão: 42 cal
• 1 col. (sobremesa) de semente de girassol: 48 cal
• 1 col. (sobremesa) de linhaça: 50 cal

Fim de semana feliz

O ideal é manter a dieta no sábado e domingo. Mas você tem
direito a 350 calorias extras (total para os dois dias). Nesta lista,
qualquer uma das sugestões tem esse valor - ou chega perto!

Sanduíche • 1 hambúrguer grelhado simples (150 g)
• 1 hot dog (135 g)
• 1 ½ queijo quente (150 g)

Petisco • 1 porção média (125 g) de batata frita
• 6 onion rings (40 g)
• 4 minipastéis (35 g)

Bebida • 3 taças (410 ml) de vinho tinto ou prosecco
• 1 copo (150 ml) de caipirinha de limão com adoçante
• 2 ½ latinhas (810 ml) de cerveja

Chocolate • 1/2 tablete (63 g) ao leite
• 2/3 do tablete (67 g) com 70% de cacau
• 4 bombons (tipo Alpino)

Sorvete • 7 picolés de limão
• 3 bolas médias de sorvete de creme
• 1 pote (485 g) de sorvete de iogurte (tipo Yogo Molico)

Doce • 1 fatia pequena (75 g) de bolo de chocolate coberto e recheado
• 6 brigadeiros médios (15 g cada um)
• 6 col. (sopa) de goiabada cremosa

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

O cardápio que enxugou as medidas de Flávia Alessandra


Cardápio de estrela


DIA 1 
Café da manhã: 1 copo (300 ml) de suco verde (ao acordar) meia hora depois + 2 fatias de melão com 1/2 pote de iogurte natural + 2 col. (sopa) de granola + 1 torrada integral + 1 col. (chá) de geleia sem açúcar + 1 col. (sopa) de requeijão light + 1 xícara de café

Almoço: salada verde com tomate-cereja, croûton integral e nozes picadas + 1 medalhão (120 g) de filé-mignon + 2 pegadores de espaguete integral ao sugo

Lanche: 1 copo (300 ml) de suco de abacaxi com gengibre ou hortelã + 1 omelete com duas claras com 1 fatia de queijo de cabra (ou queijo branco), abobrinha picadinha e manjericão fresco

Jantar: 1 prato (fundo) de sopa de cebola polvilhada com ricota + 1 porção de robalo (150 g) assado com tomilho (opcional) + 3 buquês de brócolis refogados + 2 col. (sopa) de ervilhas frescas refogadas

DIA 2

Café da manhã: 1 copo (300 ml) de suco verde (ao acordar) meia hora depois + 1/2 papaia batido com 3 col. (sopa) de leite em pó desnatado, pouca água e adoçante a gosto + 1 fatia de pão integral light na chapa com queijo branco + 1 xícara de café

Almoço: 1 prato (raso) de salada verde com ovo cozido e molho de iogurte (bata o iogurte natural com um fio de azeite e sal a gosto), polvilhada com alho torrado + 1 polpetone recheado com queijos cottage e mussarela (ou três almôndegas) + 2 col. (sopa) de purê de batata

Lanche: 1 copo (300 ml) de suco de laranja com maçã + 1 torrada integral light com cream cheese light e geleia de damasco

Jantar: 1 prato (fundo) de sopa de couve-flor + 1 filé (120 g) de frango grelhado + 2 col. (sopa) de suflê de espinafre e queijo cottage

DIA 3

Café da manhã:
 1 copo (300 ml) de suco verde (ao acordar) meia hora depois + 4 morangos + 1 pote de iogurte light sabor morango + 2 col. (sopa) de granola + 1 torrada integral + 2 fatias de peito de peru light + 1 col. (sopa) de queijo cottage

Almoço: 1 prato ((fundo) de salada verde com molho de manga + 1 filé-mignon (120 g) grelhado com aspargos ou palmito (à vontade))

Lanche: 1 copo (300 ml) de suco de mamão com laranja + 1 fatia de pão integral light com queijo branco, tomate e orégano (de preferência, ao forno)

Jantar: 1 prato (fundo) de sopa de queijo (veja receita) + 1 prato (raso) de salada niçoise

Receitas

Sopa de queijo

Ingredientes •1/2 cebola ralada
• 1 col. (sopa) de óleo
• 1/2 litro de leite desnatado
• 1/2 litro de caldo de frango
• 1 chuchu picado
• 150 g de queijo branco picado
• 2 col. (sopa) de cheiro-verde picado
• Sal a gosto

Modo de fazer Refogue a cebola com o óleo, acrescente o leite, o caldo de frango, o chuchu e o sal e deixe cozinhar. Deixe amornar e bata no liquidificador.
Volte ao fogo, deixe ferver até reduzir 30% do conteúdo. Ao servir, acrescente o queijo e o cheiro-verde.
Rende: 4 porções

Salada verde com manga

Ingredientes •2 pratos (raso) de alface mista (crespa, roxa, romana, lisa)

Molho • 1 manga não muito madura batida no liquidificador
• 1/2 colher (sopa) de mostarda
• 2 col. (sopa) de iogurte
• 2 col. (sopa) de mel
• Suco de 2 limões (de preferência, cravo ou caipira)
• Sal a gosto

Modo de fazer Em uma panela, misture a manga batida com os demais ingredientes do molho e leve ao fogo médio, mexendo sempre, até aquecer. Espere esfriar e regue as folhas de alface.
Rende: 4 porções

Salada niçoise 

Ingredientes • 4 tomates
• 1/2 maço de alface
• 2 ovos cozidos
• 1/2 lata de milho
• 1 lata de atum light
• Azeitonas pretas

Molho • 2 col. (sopa) de vinagre
• 1 col. (sopa) de mostarda
• 2 col. (sopa) de azeite de oliva extravirgem
• Sal a gosto

Modo de fazer Corte os tomates e os ovos em rodelas e junte-os aos outros ingredientes. Misture os ingredientes do molho e regue a salada.
Rende: 4 porções

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Shirataki, ajuda a emagrecer


Shirataki  -  cachoeira branca, em japonês.
Também é chamado de Ito Kon'nyaku.

estas dicas encontrei no http://lostinjapan.portalnippon.com/2011/12/miojo-milagroso-para-emagrecer-konnyaku.html
Esse "miojo" diet (que NADA tem a ver com miojo, já que não é macarrão) se chama shirataki.
É feito de kon'nyaku.

 Mas... o que é kon'nyaku??? 


 Kon'nyaku 
pronuncia-se Côn-niáku

Kon'nyaku tem cara de gelatina dura, é feito de batata konjac. 

Extrai-se o amido, alcaliniza-se com cinzas de cedro, cálcio de cascas de ovos ou soda cáustica (a mistura é muito bem lavada posteriormente, não ficam resíduos dos alcalinizantes).

É tão antigo quanto o Japão, tem origem no século VI d.C.

Sem gosto de nada, o sabor é "vai com os outros", 
vem dos temperos aplicados.

De calorias praticamente nulas, sem gorduras. 

95% dele é água e minerais, o restante é glucomanano - uma fibra não-digerível que se expande no estômago, rapidinho produz saciedade. 

Por isso o kon'nyaku emagrece - tira sua fome, não te deixa com a sensação de falta de alimento.

Ajuda a controlar o colesterol, pressão alta, no Japão é chamado de "vassourão do sistema digestivo" (por causa das fibras).

É meio fedorentinho, mas perde o cheiro na água quente.
Não tem nada a ver com macarrão.



O sabor?

Idem ao chuchu, kon'nyaku cru e puro (sem nenhum preparo) é pedir pra morrer.
Mas cozido de maneira correta fica delícia e tem gente que gosta. 
Não me vem à cabeça formas de comparar o sabor, konnyaku tem gosto de... konnyaku!

De variedades diversas, 
tem uso até como substituto para peixe cru e carnes  
na dieta vegetariana.


Os japoneses acham esquisito que no ocidente tenha surgido a moda de consumi-lo em  forma de fios, para emagrecer; é coisa de americano mesmo (virou moda depois de aparecer no programa da Nigella Lawson na forma de "macarrão").

Os japas, no caso das dietas, preferem em pedaços, pois como é gelatinoso você precisa mastigá-lo (aumenta a sensação de saciedade e ajuda no regime).

Em fios, é facinho de engolir sem mastigar nada.


Tem também em versão docinho, 
com sabor de frutas. 

Essas gelatinas, feitas de kon'nyaku e sumo de frutas ajudam muito na hora que dá vontade de comer doces e furar a dieta.  Poucas calorias, são bem saborosas.

Tem gente que chama de bala de kon'nyaku, mas o termo está totalmente errado.
É gelatina.

Não engula de uma vez, senão é perigoso engasgar, mastigue.

Crianças adoram, eu idem.

**************************************************

Receitas? 
Salada de Kon'nyaku (bem tradicional).

Ingredientes: 
1 pacote de konnyaku
6 quiabos médios
1/3 de nabo descascado (cuidado com os velhos, que tem cheiro forte e são amargos)
2 colheres de sopa de sumo de limão
2 ½ colheres de sopa de shoyu

Preparo:
Coloque o kon'nyaku em uma panela com água fervendo por 2 a 3 minutos.
Escorra bem a água.
Corte o kon'nyaku em fatias bem finas

Cozinhe os quiabos (de 30 segundos a 1 minuto) em água quente. 
A seguir, esfrie-os em água fria ou gelada (realça a cor).
Corte em rodelas bem finas, reserve.

Rale bem fininho o nabo, que soltará um caldo.
É este caldo que vamos usar, passe o nabo ralado para coador ou peneira e recolha a parte líquida.

Acrescente ao sumo do nabo o limão e shoyu, misture bem.
Se achar que fica bom, coloque uma minúscula pitada de açúcar.

Misture esse caldo levemente ao konnyaku e ao quiabo.
No verão, sirva gelado.
4 porções
..................................................................

itokonnyaku 
Ingredientes 1 col. (sopa) de azeite de oliva 
2 dentes de alho amassados 
6 tomates picados, sem pele e sem sementes 
1 col. (sopa) de manjericão fresco picado 
1 col. (sopa) de salsa fresca picada 
1 col. (sopa) de orégano fresco picado 
1 col. (chá) de alecrim fresco picado 
1 col. (café) de sal 
200 a 250g de itokonnyaku (também conhecido como shirataki)

Modo de fazer 
Aqueça o azeite em uma panela, refogue os alhos ate dourar. Acrescente o restante dos ingredientes, com exceção do macarrão, e deixe cozinhar por cerca de 7 minutos. Cozinhe a massa em bastante água com um fio de azeite por 3 minutos ou como sugere o fabricante. Escorra e volte à panela. Misture o molho e coloque em uma travessa. Sirva em seguida.


Também chamado de miojo milagroso, o itakonnyaku ou shirataki não é facilmente encontrado nos mercados. Além disso, trata-se de um produto fresco que deve ser conservado gelado – mesmo antes de a embalagem ser aberta. Como há conservantes na água do pacote, deixe o macarrão de molho por 30 minutos, escorra e passe-o em água corrente. O cozimento do alimento é rápido: basta mergulhá-lo em água fervente por no máximo 5 minutos.  

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Perca 5 kg em 15 dias com a dieta Dukan


Dukan no Brasil 
dieta Dukan ou dieta francesa das proteínas é a mesma que, no ano passado, emagreceu a princesa Kate Meddleton e mudou o corpo de Jennifer Lopez. Depois, ela ficou famosa na Europa, nos Estados Unidos e no Brasil. De lá para cá, o público fiel ao método só vem crescendo, assim como os recursos criados pelo médico Pierre Dukan. Há dois meses, ele esteve no Brasil para lançar a edição revisada e ampliada do seu livro Eu Não Consigo Emagrecer – a Dieta Francesa Que Conquistou Mais de 30 Milhões de Leitores (editora BestSeller, 30 reais) e o programa de emagrecimento online (www.dietadukan.com.br). 

Atenção! 
Exercício é obrigatório no programa Dukan. 
Caminhe 25 minutos por dia, seis vezes por semana. Nos dias pós-festa, aumente esse tempo para 40 minutos.

Ataque (fase 1)

Curta e intensa, esta etapa da dieta vai fazer você enxugar até 3 quilos em seis dias. Por ter só proteína magra (a exceção é o farelo de aveia, uma vez por dia, para reforçar a saciedade), ela prepara o organismo para responder melhor à dieta. Carne, ave e peixe podem ser consumidos à vontade. Mas, se quiser ter uma ideia de quantidade, siga o cardápio sugerido pela equipe responsável pelo programa Dukan no Brasil

Café da manhã
Opção 1: 1 pote de iogurte natural 0% de gordura + 1 xíc. de chá verde com canela e gengibre
Opção 2: 2 fatias de queijo branco 0% gordura + omelete (1 gema e 2 claras) + 1 xíc. (chá) de café com leite desnatado (adoçante, opcional)
Opção 3: 3 fatias de presunto magro + 1 taça de gelatina diet + 1 xíc. (chá) de leite desnatado batido com 1 ½ col. (sopa) de farelo de aveia

Lanche da manhã
Opção 1:
 2 fatias de queijo branco 0% gordura

Opção 2: 3 fatias de peito de peru light (ou blanquet de peru)
Opção 3: 2 enroladinhos (2 fatias de presunto magro enroladas com 2 col./chá de queijo cottage 0% de gordura)

Almoço
Opção 1:
 Suflê de frango (bata 1 ovo e misture 1/3 de copo/150 ml de leite desnatado, 1 peito de frango cozido e desfiado, salsa, cebolinha, sal e pimenta. Asse em um pirex fundo) + 3 fatias de queijo branco 0% gordura

Opção 2: 1 filé (150 g) de carne (picanha sem gordura ou contrafilé) grelhado (tempere com salsinha, pimenta-do-reino e pouco sal) + omelete (1 gema e 2 claras)
Opção 3: 2 postas (240 g) de peixe (namorado, badejo) assado com ervas (alecrim, salsinha) + 2 col. (sopa) de lula cozida e temperada com vinagrete (molho de vinagre e sal)

Lanche da tarde
Opção 1: 1 fatia média de queijo branco 0% gordura + 2 fatias de presunto magro + 1 xíc. (café) de café preto (use adoçante)
Opção 2: 2 col. (sopa) de pasta de queijo cottage 0% gordura (amasse o cottage com orégano e pimenta-do-reino) + 2 fatias de peito de peru light (ou presunto magro) + 1 xíc. de chá mate batido com leite desnatado
Opção 3: 1 pote de iogurte natural 0% gordura (ou iogurte light de fruta) + 1 taça de gelatina diet


Jantar
Opção 1: 3 espetinhos de peru em cubos grelhados com molho de iogurte (iogurte natural 0% gordura temperado com cebola e alho picados e hortelã) + 6 cubos médios de tofu (ou ricota) temperados e grelhados
Opção 2: 1 medalhão de alcatra (150 g) temperado com ervas e grelhado + 2 fatias de queijo branco 0% gordura
Opção 3: 3 postas médias de peixe (badejo, namorado) temperadas com açafrão, assadas ou grelhadas + 4 kanis kama

Ceia
Opção 1:
 2 ovos de codorna cozidos (ou 1 ovo)

Opção 2: 1 copo (250 ml) de leite desnatado batido com 1 ½ col. (sopa) de farelo de aveia
Opção 3: 1 queijinho fundido (tipo Polenguinho Light)

Alimentos liberados
Na primeira fase, você pode variar o cardápio com estas categorias de alimentos

Carne branca: aves (com exceção de pato) e coelho. Carne magra: vitela e boi sem gordura, grelhadas, assadas ou cozidas. Peixe (todos): magros, gordurosos, brancos ou não, crus ou cozidos. Frutos do mar: camarão, lula e marisco. Frios: presunto magro, presunto de frango, peito de peru light e blanquet. Laticínios: queijo, ricota, requeijão, coalhada e iogurte 0% gordura e leite desnatado (duas porções por dia, no máximo). Ovo: dois por dia, no máximo. Água: é fundamental beber 2 litros de água por dia. Ela facilita o funcionamento dos rins, responsável por eliminar as toxinas que resultam da queima da gordura. Você também pode consumir chá e café (sem açúcar). Temperos: use ervas, cebola e alho para preparar a comida. Modere no sal e na gordura (use o mínimo de azeite para grelhar as carnes).

Cruzeiro (fase 2)

Nesta etapa, você pode acrescentar verduras e legumes (exceto batata) no prato, mas em dias alternados. Fica assim: um dia segue o cardápio da fase 2 e no outro o da fase 1, só com proteína magra. Repetindo esse esquema por nove dias, dá para emagrecer de 2 a 2,5 quilos. Mas você pode continuar nesta fase se ainda quiser secar mais alguns quilinhos

Café da manhã
Opção 1: Ovo mexido (1 gema e 2 claras) com ricota, presunto magro e tomate + 1 copo (250 ml) de suco de cenoura batida com salsão, água e 2 col. (sopa) de farelo de aveia (adoçante, opcional)
Opção 2: 1 pote de iogurte light de fruta + 1 ovo cozido + 1 xíc. (chá) de café preto sem açúcar (ou chá de erva-cidreira e hortelã)
Opção 3: 1 potinho de leite fermentado zero (tipo Actimel) + 2 fatias de peito de peru light e 1 fatia de queijo branco 0% de gordura + 1 xíc. (chá) de leite desnatado com 1 col. (chá) de cacau em pó sem açúcar

Lanche da manhã
Opção 1:
 5 minicenouras

Opção 2: 2 fatias de rosbife
Opção 3: 4 tomates-cereja + 2 fatias médias de queijo branco 0% gordura

Almoço
Opção 1:
 1 prato (raso) de salada de rúcula e tomate (tempere com sal e vinagre) + 3 col. (sopa) de carne moída cozida com vagem e cenoura em cubos

Opção 2: 1 prato (raso) de salada de alface e cogumelo (tempere com sal e vinagre) + 2 sardinhas frescas assadas com alecrim + 3 col. (sopa) de espinafre refogado com alho
Opção 3: 1 prato (raso) de salada de agrião e abobrinha ralada (tempere com sal e vinagre) + 3 espetinhos de frango, pimentão e cebola grelhados + 3 col. (sopa) de couve-flor e vagem cozidos no vapor

Lanche da tarde
Opção 1: 1 queijinho fundido (tipo Polenguinho Light) + 1 pote de iogurte natural 0% de gordura + 3 palitos de salsão
Opção 2: 1 copo (300 ml) de suco desintoxicante (chá branco gelado batido com couve, cenoura, beterraba e gengibre) + 1/2 lata de atum light com 2 col. (sopa) de queijo cottage 0% de gordura
Opção 3: 3 fatias médias de tofu (ou ricota) grelhadas com salsinha + 4 kanis kama

Jantar
Opção 1: 1 prato (raso) de broto de feijão com vinagrete (sem óleo) + 2 fatias de peito de peru assado com hortelã + 3 col. (sopa) de berinjela refogada com cebola
Opção 2: 1 prato (raso) de salada de escarola, pepino e talos de erva-doce (tempere com sal e vinagre) + 1 prato de shirataki de konhaku (macarrão japonês) com molho à bolonhesa
Opção 3: 1 prato (raso) de salada de chuchu cozido e palmito (tempere com sal e vinagre) + 1 filé de pescada assada com alecrim

Ceia
Opção 1:
 1 taça de gelatina diet

Opção 2: 1 pote iogurte natural 0% de gordura (ou iogurte light de fruta) com 2 col. (sopa) de farelo de aveia
Opção 3: 2 fatias de presunto de frango (ou presunto magro)

Consolidação (fase 3)

** Obs.: o cardápio abaixo não é válido para as quintas-feiras de proteínas puras

Café da manhã
Opção 1: 
1 copo de leite desnatado com café (adoçante opcional) + 1 fatia de pão integral com 1 colher (sopa) de requeijão cremoso 0% de gordura + 1 maçã

Opção 2: 1 copo de mingau (leite desnatado com 2,5 colheres de sopa de farelo de aveia) + 3 enroladinhos de frios (3 fatias de peito de peru com 2 colheres de sopa de ricota light temperada com orégano)
Opção 3: 1 copo de leite desnatado com 1 colher (chá) de cacau em pó sem açúcar + 1 pote de iogurte natural 0% de gordura + 3 fatias de presunto magro

Lanche da manhã
Opção 1: 1 xícara (café) de café preto (adoçante opcional)
Opção 2: 1 colher (sopa) de goji berries
Opção 3: 3 ovos de codorna

Almoço
Opção 1:
 1 prato (raso) de salada de camarão com kani + 2 Tomates recheados com atum e cobertos com parmesão light + 3 colheres (sopa) de abobrinha refogada

Opção 2: 1 prato (raso) de salada de endívia e beterraba + 2 fatias médias de lombo de porco assado com limão + 3 colheres (sopa) de couve refogada com alho
Opção 3: 1 prato (raso) de de salada de acelga com tomate + 3 pedaços médios de peito de frango com leite de coco light e tofu + 2 colheres (sopa) de couve-flor no vapor

Lanche da Tarde
Opção 1:
 4 palitos de kani

Opção 2: 1 fatia de pão integral com 1 colher (sopa) de pasta de cottage 0% de gordura
Opção 3: 1 xícara (chá) de chá mate gelado com limão

Jantar
Opção 1: 1 prato (raso) de salada de alface, couve de bruxelas e palmito + 1 pedaço médio de lasanha de beringela com tofu + 150g de batata cozida com casca
Opção 2: 1 prato (raso) de salada de rúcula com aspargos + 200g de arroz integral à grega
+ 1 filé de frango com mostarda
Opção 3: 200g de salada de grão de bico com vinagrete + 1 prato (raso) de shirataki de konhaku (macarrão milagroso) com 1 colher de chá de shoyu + 1 filé de merluza assado

Ceia
Opção 1: 1 copo de suco de abacaxi com hortelã + 1 xícara de chá de gengibre e canela + 1 unidade de queijinho fundido light
Opção 2: 3 fatias de presunto de frango + 1 copo de mingau (leite desnatado com 1 colher de sopa de amido de milho) + 2 ovos de codorna
Opção 3: 1 pote de iogurte de frutas 0% de gordura + 2 fatias médias de queijo frescal 0% de gordura
+ 1 unidade de actimel (leite fermentado) zero

Fase 4: estabilização

Pronto, a partir daqui nada mais é proibido - você pode ter uma alimentação normal. Porém, uma vez na semana, deve repetir um dia do cardápio da fase 1, só com proteína (isso a vida toda). É o segredo para não voltar a engordar. Outra recomendação é adotar o consumo diário de três colheres de sopa e farelo de trigo e de aveia. São alimentos que garantem uma boa dose de fibras solúveis - indispensáveis para saciar e manter o intestino saudável, o que também é estratégico para que você deixe de brigar com a balança de uma vez por todas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS POPULARES